09 setembro 2008

Escolhendo as Tribulações


Já quis ir devagarinho na sua vida? Se render e dedicar a Deus o lugar de prioridade na sua vida é uma escolha óbvia se você realmente é cristão, mas um caminho árduo. Eu costumo dizer que na minha Bíblia não tem lugar nenhum dizendo que após a conversão "terás uma vida tranqüila, sem problemas ou complicações", pelo contrário, na minha Bíblia Jesus diz: "No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo." (João 16:33)

Ontem eu fiquei pensando no desespero que deveria pairar na cabeça dos doze discípulos de Jesus nos três anos que acompanharam o Mestre. Um dia o Mestre transforma água em vinho, depois cura à distância o filho de um oficial, depois faz um paralítico andar em Betesda, faz o primeiro milagre da pesca, liberta endemoniado, cura leprosos, cura paralíticos, ressuscita mortos, acalma tempestade, cura cegos, cura mudo, multiplica pães, anda sobre as águas, cura surdo, cura gago, seca uma figueira, restaura a orelha do soldado... Uau! Você anda ao lado do Mestre três anos vendo ele fazer milagres e vai sentindo o nível da responsabilidade. Um dia ele vira pros discípulos e diz: "Em verdade, em verdade vos digo: Aquele que crê em mim, esse também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas; porque eu vou para o Pai;" (João 14:12)

Sentiu o nível da responsabilidade? Eu senti. Os discípulos não tiveram tempo para pensar, Jesus chamava e o neguinho tinha que decidir ali na hora se largava toda a sua vida e seguia a Jesus ou se não. Nada de enterrar os mortos, dar tchauzinho pra família, casar e ter filhos primeiro, tirar um diploma universitário, ter sua própria casa antes... Acho que hoje em dia a moda é servir a Deus às prestações, só um pouquinho do que ele pede, porque afinal tem que se tocar a vida secular, se garantir na vida terrena, conquistar o conforto. Mas e as tribulações?

Ou se vive a vida de Cristo ou não há vida em você. Porque se em nós opera espírito de vida e não de morte, é porque fomos crucificados com Cristo e agora quem vive é Cristo. Não viver mais para si mesmo. Árdua lição que a menina enfrenta! Abrir mão da vida, dos sonhos, dos desejos, das vontades, é optar pela vida de Cristo ao invés da sua. É responder SIM agora, como fizeram os doze apóstolos.


Paizinho,

Tá liberado, viu! Levanto minhas mãos, prostro e me rendo. Faça a sua obra em mim. Continue me ensinando a cada dia mais, me quebrando cada vez mais, me moldando ao seu gosto, para que eu consiga persistir nesse caminho sem volta. Assim como sua graça se renova na minha vida todas as manhãs, que se reacenda todos os dias a chama por viver a vida que o Senhor planejou para mim. Me falta muito, mas eu já estou disposta, quero resplandecer porque sei que a Sua luz e a sua glória estão sobre mim. Obrigada pelas promessas que estão se cumprindo, obrigada pelos desafios, obrigada pelos problemas e pelos altos lugares. Pegue-me pela mão direita, me ajude e me sustente! Confio em Você, Altíssimo, Eterno e Soberano Senhor!


Música: Abro Mão
Artista: Min. Apascentar de Nova Iguaçu
Álbum: Toque no Altar (2003)



Marcadores:

2 Comentários:

Blogger a menina... disse...

lindo...


eu me identifiquei com você em alguns pontos...

também preciso morrer para mim mesma e tem sido ... complicado para mim.

Quantas vezes me perguntei sobre o que fazer.

Mas pelo menos disposta eu estou...

9:23 AM  
Blogger james disse...

A vós, graça e paz da parte de Deus e de nosso Senhor Jesus Cristo!

Árdua lição nos ensinou o Mestre, de vivermos uma vida de liberdade prisioneiros de Cristo Jesus, no Seu amor...

Mas, "Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo; Pelo qual também temos entrada pela fé a esta graça, na qual estamos firmes, e nos gloriamos na esperança da glória de Deus. E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência..." (Romanos 5.1-3).

Deus a abençoe e aos seus ricamente, fortalecendo em Sabedoria, para que permaneças nesta tua rica esperança em Cristo Jesus.

Fraternalmente.
James, CNBC.
www.jesusmaioramor.blogspot.com

9:05 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial